domingo , dezembro 11 2016
Inicio / Noticias / GuiFera Paulistano levanta a taça da Copa PlayStation de ‘PES 2016’ e garante vaga no Mundial

GuiFera Paulistano levanta a taça da Copa PlayStation de ‘PES 2016’ e garante vaga no Mundial

Guifera

O jovem Guilherme Fonseca, de apenas 16 anos, vai disputar o título mundial e o prêmio de 15 mil euros.

A reunião dos 16 melhores jogadores brasileiros de Pro Evolution Soccer 2016 já dava a certeza que a Copa PlayStation, final da etapa tupiniquim da PES League, seria um duelo de gigantes. E sem grandes zebras e com diversas goleadas pelo caminho, dois dos favoritos ao título se encontraram nas finais: Valber Mendes, goiano que chegou ao torneio como atual campeão, e Guilherme Fonseca, o GuiFera, paulista bi-campeão brasileiro de PES.

O que o público viu, no último sábado (2), na sede do Google, em São Paulo, foi um verdadeiro show de habilidades. Mas quem levantou o caneco, garantindo vaga para a final mundial da PES League, em Milão, na Itália, foi GuiFera, com resultado agregado de 3 x 2 nos dois últimos jogos.

“A primeira partida das finais foi o primeiro jogo que eu saí perdendo. Ele conseguiu segurar a vantagem de 1 x 0, mas eu me concentrei, fiz os gols no segundo jogo e me sagrei campeão”, explicou GuiFera, ao ESPN Games.

Faltou para o campeão, rapaz de poucas palavras, contar os detalhes dignos de uma epopéia que cercaram as finais. Os dois jogadores, a exemplo do que aconteceu em todas as partidas do torneio, escolheram o Bayern de Munique. Logo no primeiro lance do primeiro jogo, Valber anotou o gol da vitória com Ribéry, depois de uma bela troca de passes.

No final do primeiro tempo, Valber teve seu Javi Martinez expulso depois de um carrinho criminoso em Arjen Robben. Mas, mostrando tremendo domínio tático e contando com vacilos no ataque de GuiFera, o goiano conseguiu segurar a vantagem e venceu o jogo, mesmo com um jogador a menos.

622_1c284998-ecb8-3635-83b7-2ef340f48b49

Valber Mendes e Guilherme Fonseca, os finalistas da Copa Playstation de PES 2016

No segundo jogo, o paulista de Jaú colocou a cabeça no lugar e não repetiu os vacilos no ataque. Saiu na frente no início do jogo, também em seu primeiro ataque, com gol de Robben. O outro Robben, controlado por Valber, empatou. O Thomas Muller de GuiFera retomou a vantagem, e o Lewandowski do paulista colocou número finais ao jogo.

“Passei o mês todinho treinando, fiz mais de mil partidas online. Na final, faltou sorte. É coisa de jogo, acontece. Mas estamos bem representados”, disse um cabisbaixo Valber, ao ESPN Games.

Depois do jogo, GuiFera comemorou muito a chance de disputar o mundial da PES League, em Milão.

É uma emoção que eu nunca senti antes, mesmo ganhando dois brasileiros, isso aqui era o meu sonho. Mas eu não vou só pra passear, vou pra buscar esse título pro Brasil”, finalizou o confiante campeão.

GuiFera ainda teve a honra de receber o troféu do torneio das mãos de Basílio, eterno ídolo corintiano que marcou o gol do título paulista de 1977, tirando o Timão da fila de 23 anos sem troféus. Um dos mais empolgados com a final, o Pé de Anjo foi só elogios ao campeão.

“Ótimo. Excelente. Maravilhoso. Tá de parabéns”, disse Basílio.

622_aedd47c5-8cb5-3046-b2b7-c15795dd0dc2
As finais mundiais da PES League acontecem no dia 28 de maio, em Milão, na Itália.

Fonte: ESPN BRASIL

(Visitado 169 Vezes, 1 Visitas Hoje)

Duvida ? Deixe Seu Comentário Abaixo !